segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Tenho saudade, juro, tenho saudade...


Há tantas coisas das quais tenho saudade. Tanta saudade. Tenho até saudade das coisas que nunca o foram, como escreveu Pessoa. Tanta saudade. Acima de tudo, tenho saudade de algumas emoções. Daquelas que só encontramos lá distantes na memória. Saudade. A sério, dou por mim a morrer de saudade. Tenho até saudade de saborear sem preocupação a ilusão. E de me surpreender, e de que me surpreendam. Tenho saudade. Há dias em que fico assim, com saudade.

12 comentários:

S* disse...

O coração por vezes fica assim, tristonho.

Rosa Cueca disse...

Sei bem o que isso é...mas é só um refúgio da nossa mente, que gosta de viajar onde já fomos felizes.

marisa v disse...

saudade... o típico sentimento português. A saudade dói tanto, mas é boa porque só temos saudades das coisas boas e se temos muitas saudades é porque já tivemos muitas coisas boas na vida =)

Jibóia Cega disse...

E de pagares uma mini, tens? :)

siceramente disse...

Saudade.. também tenho :)

Vera, a Loira disse...

Engraçado que as minha maiores saudades são das coisas que não vivi.

Sofia disse...

Tenho sempre saudades e ânsias de alguma coisa...

Karine Tavares disse...

Teu blog é lindo, parabéns!

Vem conhecer o meu:
leiakarine.blogspot.com

Liliana Silva disse...

Tal como disse Charles Baudelaire... "Aos olhos da saudade como o mundo é pequeno."

tiago leal disse...

Eu, neste momento, já sinto saudades deste momento presente, cada vez que penso nas voltas que o meu futuro vai dar...

menina lamparina disse...

Estas palavras podiam ser minhas. Tenho tido muitas saudades de coisas que não chegaram a sê-lo... porque talvez só eu as tenha vivido. :*

Karina sem acento disse...

Se ao menos conseguisses imaginar como eu te percebo...