domingo, 4 de janeiro de 2009

"Olá, não estiveste em Lloret há 10 anos?"

Uma destas sextas-feiras fui ter com uns amigos de infância a Leiria. Programámos jantar, beber uns copos, dançar e dar umas boas gargalhadas em nome dos velhos tempos. E, de velhos, tempos tive mais do que o que estava à espera.
Depois de corrermos uns quantos bares da moda lá decidimos ir à nova discoteca da cidade, a Glam. Música a fazer lembrar os 80's, álcool baratíssimo, uns rodopios na pista e as prometidas gargalhadas. Quando me dei ao luxo de olhar à volta reparei que um rapaz me fitava. De vez em quando os olhares cruzavam-se. Atravessava-me com o olhar, persistente. A cara não me dizia nada e pensei o óbvio: "Vais ter que fazer muito mais do que ficar aí no teu canto só a olhar".
Atravessou a pista, parou ao meu lado e sussurou-me ao ouvido a frase que agora não consigo tirar da cabeça: "Olá, não estiveste em Lorret há 10 anos?" Sim, eu estive de férias lá há 10 anos, numa daquelas viagens de finalistas da qual agora a memória só me devolve pequenos flashes de alguns episódios.
Ele foi-se embora e nem sequer tive tempo de perceber o porquê da pergunta, muito menos de saber o que responder.
Dias depois e com muitos exercícios de memória à mistura lembrei-me dele. Não sei o nome, não sei a idade, donde é, o que estava lá a fazer, mas sei que o beijei numa discoteca chamada Hollywood, que passava daquelas músicas manhosas latinas que estavam na moda. Nem sequer sei porque é que o beijei na altura, provavelmente porque lhe achei graça. Tinha 17 anos era a idade em que achavamos que tinhamos que aproveitar tudo ao máximo, bom e pelos vistos aproveitei.
Se era giro na altura, continua, com um ar já de homem, mais maduro.
1 - Porque raio se lembra de mim?
2 - Quantos anos momentos aos quais nem damos grande importância ficam gravados na nossa memória?
3 - Porque disparou ele esta frase e desapareceu sem deixar rasto e sem me dar tempo para responder convenientemente? Apenas soltei uns sons como "uhg, hã eu? Sim, hã, pois"
4 - Quem és tu "espanhol"? É esta a alcunha que os meus amigos que assistiram ao episódio decidiram dar-lhe.
Provavelmente as buscas que os meus amigos iniciaram à tua procura por Leiria não vão dar em nada. Provalmente só nos voltaremos a ver daqui a 1o anos. Já não será numa discoteca, talvez num daqueles sítios com que costumo gozar a que chamam "dancetaria" para viúvos, divorciados e eternos encalhados. Talvez nos encontremos numa caixa de supermercado ou numa fila das finanças, cada um com a sua "cara-metade" e umas crianças pela mão. Mas, agora sei, porque tu mo lembraste, que teremos tido sempre Lloret, e que partilhámos aqueles beijos.

21 comentários:

My Space disse...

Saltos altos... gostei! Também sou fã :-)
Ele há encontros que podem ser verdadeiramente fantásticos, mesmo ao fim de 10 anos. Quem sabe o que trarão os próximos 10?

Anónimo disse...

Minha querida, agora que descobri o seu blog acredito que o vá acompanhar para saber de todas as peripécias espectaculares a que se vê submetida! Sabe que por vezes existem acasos na vida que podem nos querer dizer algo, outros nem por isso! Não se iluda com encontro tão banal, deixe a vida correr... Não se esqueça que os tombos são grandes quando é a ilusão ganha asas demasiadas grandes. Não pretendo por isso dizer-lhe que desista de o encontrar novamente mas tenha receios no que poderá vir a trazer-lhe esse reencontro, tanto poderão amores como dissabores... Anonimously yours, "Friend"

vandoxa disse...

ahahahha
a menina é inesquecível!! já devia saber isso. além de tudo isso, recordar é viver. já dizia o outro.
ora bem!!!
Beijinhos pr a minha companheira de guerra

Lu.a disse...

Beeeeeem...deves ter causado impacto no rapaz, porque lembrar-se de alguém que conheceu há 10 anos atrás numas férias, é obra!!!

Pipoca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

Ó minha querida amiga! Eu estava lá! Presenciei tal encontra de 3º grau... :P Bem já sabes que eu e a Tanocas lá estaremos pa ir "Em Busca do Espanhol" hahahaha Pó bem e pó mal cá estamos uns pós outros hehehe Olha só tenho a dizer: Tenham medo, tenham muito medo!!! Eu e tu somos a dupla fantástica hahahaha Beijos

Anónimo disse...

Devias por anúncios na Internet atrás do gajo!!! Qualquer coisa com a descrição do sr. e um mail para onde os potenciais candidatos, os tipos que se identificarem com a descrição pudessem mandar fotos... Depois, mesmo que não o encontrasses, fazias uma triagem e marcavas encontros com os mais giros!!! Eh eh eh! ;)

Segredo Cor de Rosa disse...

Há coisas que ninguém explica...
Mas há coisas que nos intrigam muito e agora vais andar só a pensar em porquês e quem sabe,
nalguma forma de o encontrares...
eheheheheh
as viagens de finalistas deixam sempre algumas marcas...

Saltos Altos Vermelhos disse...

Adorei o teu Blog! Uma das minhas! Saltos Altos!!! :D Bem esta história é maravilhosa! até eu fiquei com vontade de conhecer esse gajo hehehhe mas e por que não voltas lá??? qui ça!!! Vá conta o resto! :D

pensadora disse...

Olá Pipoca!
És a segunda Pipoca que encontro na blogoesfera.
Conheci o teu blog através do blog do Arrumadinho, e embora esta seja a minha primeira visita, gostei muito do pouco que já li.
Parabéns pelo teu sentido de humor!
Fica o convite para dares uma espreitadela ao meu blog quando quiseres!

Saudações pensativas*

Ominona disse...

Oi, vim cá através do post do Arrumadinho. Deixa-me dizer que tive em Loret à uns 10 anos atrás também(sim também em viagem finalistas do secundário e sim tive tb no Holywood). Acontece muita loucura por lá ( bons tempos!) Secalhar lembra-se porque (eu pelo menos) não se beija qualquer pessoa e mesmo quem eu beijei à 10 anos ainda me lembro mesmo aqueles beijos que aconteceram em noites de loucura.
Bom post;)

Anónimo disse...

Olá. Sou eu, o "Espanhol".

Anónimo disse...

O sr. que se intitula o "Espanhol" é favor mandar foto para a nossa menina ver se confere... Mas também se não for o mesmo e for giro é bem-vindo na mesma... Venha de lá essa foto...

Anónimo disse...

Bem, meu caro, que se auto-intitula de "Espanhol"... Para que se entenda se realmente é você o jovem de quem aqui se fala, nada melhor que uma leve discrição de como é. Existem 3 pares de olhos que o viram, portanto não será díficil chegar-se à conclusão se é mesmo de você de quem tanto se procura :P
Pipoca TO CONTIGO nesta busca! hehehe
Beijo

Pipoca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pipoca disse...

Saltos altos vermelhos, obrigada pelo teu comentário. Terei todo o prazer em contar o resto da história. Mas até agora ainda não tenho pistas concretas de como o encontrar, e as buscas iniciadas por Leiria peos meus amigos ainda não deram frutos. Mas anda aqui um querido anónimo que diz ser ele. Vamos ver, aguarda novidades

Coimbra disse...

Ao fim de 10 anos não te lembras? Então é porque não foi bom ou estavas com sangue a menos na vokda que te escorriam nas veias.

vandoxa disse...

Mas temos "Espanhol" ou nem por isso? Venham de lá essas fotos porque até eu já estou curiosa para saber se este "Anónimo" está a dizer a verdade ou se está só a ver se "caça" a Pipoca!! Vá... Sem medos...

Sofia disse...

Volta lá para a semana! Talvez ande por lá.

Ominona disse...

Na minha opinião era só um engraçadinho... mas como disse ai um anónimo que parece ser um amigo da Pipoca e que teve lá nesse dia, mesmo que não seja, rapaz envia foto que até pode ser que sim : P
Que sejas jeitoso! LOL!

Pipoca disse...

Vou para o próximo fim-de-semana. Vou sim! E se o encontrar prometo contar tudo...tudinho!!!