quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Descubra a diferença...

"(...)...mas eu amo-te!"

"Eu amo-te mas (...)"

12 comentários:

Conto de Fadas disse...

Pois, a segunda é pior. Parece-me!

B.L. disse...

Eu diria "Descubra AS diferençaS"!

Lili disse...

Ah! Que maldade...

L'Enfant Terrible disse...

A diferença é toda, entre o querer o outro e em não querer o outro de todo!

James Lewis disse...

Eu amo-te mas depois veio o lobo mau e comeu-me o amor que sentia por ti.

>--<

Depois veio o lobo mau e comeu-me o amor que sentia por ti, mas eu amo-te.

O amor por vezes requer massagens cardíacas, crença, coragem para continuar de mãos dadas ou simplesmente mudar de margem.

Alexandre disse...

O 'mas' nessa frase estraga tudo!

S* disse...

O segundo é triste...

Miss Pippa disse...

Para mim são bem diferentes.
A segunda expressão é terrível, a primeira não necessariamente. Pode até ser boa, ou mais ou menos boa vá, do tipo: "a minha mãe não gosta de ti, mas eu amo-te." :)

rosaamarela disse...

A primeira é uma frase AFIRMATIVA, a 2ª é o FIM de qualquer coisa que existiu.

Bom carnaval

Maria disse...

a primeira antecede algo que não se quer/não se gosta ...mas a pessoa ama à mesma e vai continuar com a pessoa."Detesto esse corte de cabelo mas amo-te" "Não gostei de teres ido tomar café com aquele tipo mas amo-te".
A segunda é o inverso, eu amo-te mas... não consigo continuar/aceitar isso.

menina lamparina disse...

Eh pah o "mas" assusta-me.
Na primeira, porque me soa a "Fiz merda, eu sei, mas eu amo-te".
Na segunda, porque cheira a fim: "Eu amo-te mas não dá...".

Lembrei-me imediatamente do sacana com quem perdi tanto tempo da minha vida... as nossas conversas eram repletas de dramas. Que horror.

:*

Aflito disse...

O primeiro quer dar uma, o segundo não. :|