segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Devia ser isto, o Amor

E devia ser isto o amor, não largar a mão da outra pessoa.
E agora que já dei o meu ar de "fófinha" posso confessar que o dia dos namorados não me aquece nem me arrefece? Não deviam ser preciso datas para marcas as coisas importantes.

4 comentários:

Liliana Costa disse...

eu tb nao celebro o dia dos namorados. O amor deve ser celebrado todos os dias. Para mim e so mais um dia consumista e que faz sentir mal quem nao tem ng e gostaria de ter.
Pra mim e mais um dia que dormimos de maos dadas :)

Ego disse...

Eu acho que se para aquelas duas pessoas fizer sentido nao se devem acanhar. Se acho piroso ou sopeiro? Talvez. Mas o amor não é piroso? Não é piroso a forma como duas pessoas falam na intimidade? Que os casais saiam e vão jantar, e façam o amor e tudo aquilo que entediam. Desde que lhe faca sentido.

Pipoca dos Saltos Altos disse...

Não é celebrar ou não celebrar, é ser-me meio indiferente. Não preciso de uma data para jantar fora (e são tantos os casais que não chegam à sobremesa) e se me oferecessem um peluche a agarrar um coração...tínhamos o caldo entornado.

menina lamparina disse...

Também não ligo nenhuma. Dou muito mais importância aos nossos aniversários, em que vamos sempre passar um fds fora. Quanto a presentes, não precisamos de datas marcadas.

:*