segunda-feira, 31 de maio de 2010

Que falta de respeito...

Gosto assumidamente do Nico, era assim que lhe chamava em miúda. Quando o fui entrevistar pela primeira vez ia com receio, um grande actor, anda nisto há 5o anos, ainda faço alguma pergunta pateta...
Assim que cheguei e me apresentei deu-me dois beijinhos e começou a tratar-me por minha querida. É assim na televisão e é assim na vida. 50 anos de vida pública e um respeito extraodinário por toda a gente que com ele se cruza.
Quando estreou a peça NICO, que comemora os seus 50 anos de carreira, as entradas não foram, como é costume, gratuitas. O valor das vendas revertia para uma causa de solidariedade. Fiquei indignada de ver a sala apenas meia, estaria cheia de fosse de borla. Hoje, ao ver a gala, reparo que muitas das cadeiras dos convidados dele, as da frente, estão vazias, apesar de no inicio da transmissão televisiva estarem ocupadas. Os "amigos" que gostam ser convidados para as passadeiras vermelhas, depois de terem a certeza de que já tinham sido vistos, comentados e fotografados foram-se embora. Actores que nunca lhe chegarão aos calcanhares terem esta falta de respeito é vergonhoso.
Quase nunca de trabalho aqui mas desta vez foi mais forte que eu.

12 comentários:

Margarida disse...

Embora não o conheça pessoalmente, também tenho essa opinião dele. Um grande senhor! Tem todo o meu respeito.

Caty disse...

Infelizmente as pessoas só se preocupam em aparecer para parecer bem!

tst oproprio disse...

tá tarde e faz frio
ficar pra quê
amanhã é dia de trabalho
e a NBP cortou as vasas a muitos jovens actores e deu o mundo a outros
é um mundo de cão come cão
e algumas antigas glórias piqwenas e grandes não foram integradas no monopólio das novelas
e não falo da florbela queirós

o grande sr. sempre foi económico nas gorjetas e sempre foi pródigo para os amigos
dizem alguns tá klaro
t'arrenego más línguas
isto é só uma explicação
és grande niko és enorme...
e não tou a dizer que estás gordo
tás elegante
diga isso ao seu senhor ó senhora minha (sua)

tst oproprio disse...

Infelizmente era isto o que muita gente devia ter dito
as pessoas só se preocupam em aparecer para parecer bem
é só isso ...
não há azedumes pelo meio...
há uns quantos que deixaram de aparecer...perderam qualidades
é como no jornalismo
é tudo boas pessoas
não há ódios nem facas a afiar nas costas do parceiro
damo-nos todos bem

Este Blogue precisa de um nome disse...

Uma tristeza é o que é... só um (dos muitos)reflexos da sociedade em que vivemos. Tenho uma admiração enorme por ele. ;)

beijo

Fotos disse...

vai mas é trabalhar, trole

Mak, o Mau disse...

É o problema da imagem. O pessoal só se preocupa onde e como são vistos. Ter personalidade obriga a ter conteúdo. Ser "personalidade" é só fachada...

S* disse...

Ai realmente que vergonha... merecia mais respeito.

Capitão Microondas disse...

possivelmente o acertado teria sido colocar os verdadeiros amigos na fila da frente. Digo eu. Também já o conheci pessoalmente (de rajada) e pareceu-me muito simpático.

Zhu Di disse...

fui eu quem te chamou trole e mandou trabalhar

enganei-me no ID

Zhu Di disse...

adeus

Escritor do Mundo disse...

Olá! Belo Blog... No meu blog, estão os primeiros passos de um escritor...
Cumprimentos