quarta-feira, 20 de junho de 2012

Ando a cantarolar este deste o almoço.


"Tira a mão do queixo não penses mais nisso
o que lá vai já deu o que tinha a dar
quem ganhou ganhou e usou-se disso
quem perdeu há-de ter mais cartas p´ra dar
E enquanto alguns fazem figura
outros sucumbem á batota
chega a onde tu quiseres
mas goza bem a tua rota

Enquanto houver estrada p´ra andar
a gente não vai parar
enquanto houver estrada p´ra andar
enquanto houver ventos e mar
a gente vai continuar
enquanto houver ventos e mar

todos náo pagamos por tudo o que usamos
o sistema é antigo e não poupa ninguém
somos todos escravos do que precisamos
reduz as necessidades se queres passar bem
que a dependência é uma besta
que dá cabo do desejo
a liberdade é uma maluca
que sabe quanto vale um beijo"

9 comentários:

menina lamparina disse...

Adoro, Pipoca! :*

S* disse...

É uma música linda... até para mim, que implico com o Palma.

Eva disse...

Adoro!!
(aliás quase todas as letras do Palma são muito boas)
"a liberdade é uma maluca que sabe quanto vale um beijo"...

Bruno J. Dias disse...

Mesmo assim a Escuridão (Vai por mim), mantém-se no meu "top Palma".

http://confissoesdarosana.blogspot.com/

ladybug disse...

Diz-me mto esta música! Um sr.! Este nosso Palma!!

MisterCharmoso disse...

Esta canto sempre nos momentos em que estou em baixo
Beijo
Tenho novidades no meu blog...passa por la
mistercharmoso.blogspot.com

Plim disse...

Adoro, uma delícia de se ouvir!
=)

margas disse...

Este senhor é tããããooooo grande!

Pompi disse...

uma das minhas músicas favoritas.