quinta-feira, 28 de abril de 2011

Síndrome "mulherzinhas"

Os homens podem não saber deslindar todos os meandros da mente feminina mas há coisas, simples e práticas como só os homens sabem ser, que eles dizem sobre nós e que são certeiras. Eu cá dou a mão à palmatória. É verdade que temos malas grandes onde trazemos tudo e onde à primeira não encontramos nada. É verdade que usamos mais 1500 palavras que eles para dizer o mesmo e...é verdade que somos um bocado "cabras" umas com as outras. No entanto, e se dou o braço a torcer nisto, ele há coisas que eu não percebo nas "mulherzinhas". Todas apregoam que têm a relação perfeita. Que têm o casamento perfeito. Que o marido/namorado delas é isto e aquilo a mais do que o de todas as outras mulheres no mundo. Um blá blá blá interminável sobre as qualidades dos namorados e maridos com quem discutem de forma feia todos os dias em casa. E é aqui que eu sou mais gajo que "mulherzinha" e tenho vontade de responder isto.


15 comentários:

Ego disse...

Priceless!!!

Maria Bê disse...

Relaçoēs perfeitas*: mito urbano.
Resposta #2: yeah, but does he know how to use it?
Resposta #2 1/2: cause if he did you so would't be a bitch...
As coisas que me vêm à cabeça quando penso em pilas grandes logo pela manhã... E sim, pun intended...
*Se soubesses o quanto concordo contigo neste assunto...

Pipoca dos Saltos Altos disse...

Ego,
:)

Maria Bê,
Yes...

S* disse...

ahahah

Pondo as coisas nesses termos... you win. :P

Green disse...

Tens toda a razão, sem dúvida.

Myann disse...

You go, girl! assino por baixo :D *

Beu, a Ruiva. disse...

Pois eu pertenço ao teu "clube" Pipoca. Sou casada há 14 anos e namorei com o gajo que dorme cá em casa, o qual se intitula de meu marido, durante 7 anos. Mas sou gaja para lhe enumerar todos os defeitos, não só a ele como a quem estiver presente. Frontalidade e sinceridade acima de tudo. É assim que se "acimenta" uma relação. Mentiras para quê? só se for para me enganar a mim mesma.
Beijinho pipoca

Jibóia Cega disse...

O big penis afinal serve para quê?

Menino da Mamã disse...

Podes e deves fazê-lo. Sempre. Por que, quer vocês queiram, quer não queiram, quer gostem, quer não gostem, isso, é o factor decisivo. Uma vez mais, sempre.

MARGE SIMPSON disse...

Relações perfeitas não há mas olha que há relações que funcionam muito bem..não me refiro a que seja ele a fazer o pequeno almoço e trazer à cama.. essas coisas que se veem nos filmes...mas te garanto que por experiência.. não sou casada mas vivo junta desde 97 e podes não acreditar mas não me lembro de discussões feias, insultos.. sabes porquê? Primeiro porque antes de me juntar já o conhecia do liceu...foi um reencontro já depois da faculdade feita... conheço-o como me conheço a mim.. há cumplicidade e boa disposição permanente...não há mentiras nem omissões...sabemos perdoar, sabemos pedir desculpa quando erramos...e garanto-te é o amor da minha vida...não preciso que mo diga.. prova mo a cada momento! Basta que se aceitem os defeitos e qualidades.. e respeito.. e podes ter a certeza que tens o homem "perfeito"...Atenção que sou de outra geração.. a geração dos que ainda sabem o que é respeito e sinceridade! Hoje talvez isso seja mais raro.. na mínima discussão cada um vai para seu lado e hoje colecionam se namoros, vai se para a cama com desconhecidos..eu NUNCA O FIZ!
Espero que um dia faças um post a pensares o contrário!

( * Eu já escrevo ao abrigo do Acordo ortográfico.. fase de adaptação... e sou prof. de português.. não me acusem de erros... - quem quiser tenho o novo acordo simplificado em PDF que posso enviar.. muito prático para quem ainda não tem vontade de o cumprir...)

Pipoca dos Saltos Altos disse...

Marge, não preciso de escrever um post ao contrário...o que quis dizer foi que me cansam as meninas que andam sempre a apregoar que têm a relação perfeita e que depois em casa só se sabem queixar.
Bjs

Marina Ribeiro disse...

Penso que nenhuma mulher gosta de mostrar a outra que NÃO tem a relação perfeita... é uma forma de se sentirem bem sucedidas perante o grupo...
Tal como os homens, que junto dos amigos apregoam que andaram com esta e com a aquela, quando no fundo... coitados... sabe Deus!

;-)

aqui mesmo disse...

Nem mais (:

MARGE SIMPSON disse...

Tens razão... muitas demonstrações em público de carinho e sorrisos escondem muito o que realmente acontecem...nada como viver de aparências...Por experiência posso dizer que em público pouco me manifesto do que sinto.. guardo-o para casa e vivido a dois! São dos tais casos que em casa é troca de discussões e insultos e lá fora... uma rosa ou um vestido fazem a diferença a quem vê o casalinho...Nisso estou em pleno de acordo contigo!

Just me disse...

Muito bom...